Não é NÃO!

Todo mundo sabe que homem é o ser mais safado do mundo.. (algumas mulheres também são, Ô!). Claro que não se pode controlar o que os outros pensam e acham certo/errado, bonito/feio, bom/ruim. Porém espera-se bom senso de algumas pessoas, aquelas que convivem com você, aquelas que são amigas ou conhecidas. Sei lá.. eu sempre tive a esperança de que se EU faço, se eu ajo de certa maneira, as outras pessoas também poderiam ter a mesma ação. Boba eu né?

Ok, as pessoas são diferentes e por isso agem diferente. Mas cara.. use o bom senso (se você souber o que é isso)!!! Não passa na cabeça do outro que eu posso me ofender ou ficar brava com uma situação? Tudo bem se você é o maior tarado da face da terra, eu entendo que seu casamento, namoro, rolo anda uma droga.. mas há uma enorme distância  entre você imaginar que posso ser a próxima “comidinha” e eu aceitar! Ha ha.. como são idiotas alguns homens….

Situação 1: Reencontrei um casal de amigos da adolescência na missa de sétimo dia pelo falecimento da avó deles. Fui prestar minha solidariedade, já que a irmã do meu amigo era minha melhor amiga e da minha irmã quando éramos mocinhas. Ela foi à missa da minha irmã também. Conversamos um pouco na saída da igreja e tal, rolou aquela coisa de “ahh pega meu e-mail com sua irmã e vamos manter contato”. O cara estava lá com a esposa e os dois filhos. Não vou entrar no mérito de como andava a situação dos dois, isso nem é problema meu, apesar de servir de justificativa e motivo (na cabeça dele) para o que veio depois..

Passaram-se uns dias e nos encontramos na internet, me adicionou no MSN e tals. Obs: fomos namoradinhos na adolescência, devíamos ter eu 13 anos e ele uns 15 na época. Isso significava namorinho bobo mesmo, beijos e mãos dadas, cinema, praia e festinhas juntos. E só! Continuando… sabe quando você está numa vibe diferente, querendo saber o que se passou com o amigo durante aquele longo intervalo na vida e tal ? Então, ele convidou para sair, colocar o papo em dia e eu disse que sim já pensando que iria a irmã dele junto. Ha ha! Aí ele me solta um “Podemos tomar um vinho, conversar num lugar mais discreto (leia-se motel), fica entre nós.. ninguém precisa saber”. Achei desagradável, pois ele sabe que vou me casar e mudar para outro país. Mas vai ver é por causa disso que o mané pensou que eu toparia ou que não seria de mais dar uma pulada de cerca. Enrolei, desconversei, fingi que não entendi e encerrei a conversa.

Surpresa na semana seguinte, o sujeito me ligando.. me deu o telefone dele que eu não salvei no celular.. guardar telefone de quem eu não quero falar para quê, não é? Se tem uma coisa que eu acho cafonérrimo e chato para caraleo é ligar sem se identificar e ficar falando “é o seu admirador”. Nem sei o que ele disse que me fez reconhecer, mas enfim foi uma das ligações mais chatas que eu recebi. Falou, falou e repetiu sei lá quantas vezes que deveríamos sair, que ele me buscava em casa e aquele papo furado e eu tentando não perder a educação, mas no final tive que cortar a dele. Mesmo assim, prometeu ligar de novo, e ligou! Eu não atendi mais, dessa vez gravei o nome do infeliz no cel para saber que É ele!

Situação 2: Uma grande amiga teve uma paixão por esse rapaz em questão e foi o Ó para a coitada esquecê-lo, nos reunimos umas vezes na minha casa (eu e um rolinho que eu tinha na época, que era amigo desta peça, ela e o bendito). Passou o tempo e por fim a história com ele estava esfriando, pensei “que bom para minha amiga”. Ninguém merece arrastar cachorro morto por causa de homem! A primeira cantada veio nessa época, fugi dele o quanto pude e fui direta, não dá! Eles não tinham mais nada, mas imagina o climão horrível que ficaria entre eu e minha amiga? Pensa que ele se preocupava com isso? Nem aí…

E hoje eis que surge a peça rara de novo no MSN. Enquanto o papo era sobre as novidades da vida, o que estávamos fazendo, se eu ia mesmo me mudar do Brasil, estava tudo bem. Até ele dizer, “poxa.. queria te convidar para tomar um vinho aqui em casa antes de você ir embora”.. reparem que o cara de pau nem quer se dar o trabalho de sair de casa, eu que vá até ele. Hahaha… Falei, vou reunir os amigos no lugar tal, apareça por lá para se despedir de mim. Ao que ele retrucou “Vou me sentir deslocado e eu queria mesmo era ficar a sós com você para conversarmos melhor”.

Falei que não daria mesmo, que isso não era possível e que sabia a intenção dele não era conversar comigo. Cara de pau que só ele me diz “eu sei que você sabe.. aliás você sempre soube que sou a fim de ficar contigo, mesmo sabendo que você não quer.. não custa tentar, vai que um dia eu sou sorte?”. Só disse à ele “Senta e espera…”

Por que alguns homens acham que por meu noivo estar longe eu preciso transar com outros? Fácil não é ficar sem ele, sem sexo.. mas eu também não quero outros. Eu heim.. cada pergunta que eu ouço sobre isso. Não é NÃO mesmo!

Anúncios

3 comentários sobre “Não é NÃO!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s